Nós, da CONCP, queremos que nos nossos países martirizados durante séculos, humilhados, insultados, nunca possa reinar o insulto, e que nunca mais os nossos povos sejam explorados, não só pelos imperialistas, não só pelos europeus, não só pelas pessoas de pele branca, porque não confundimos a exploração ou os factores de exploração com a cor da pele dos homens; não queremos mais a exploração no nosso país, mesmo feita por negros. Lutamos para construir, nos nossos países, em Angola, em Moçambique, na Guiné, nas Ilhas de Cabo Verde, em S. Tomé, uma vida de felicidade, uma vida onde cada homem respeitará todos os homens, onde a disciplina não será imposta, onde não faltará o trabalho a ninguém, onde os salários serão justos, onde cada um terá o direito a tudo o que o homem construiu, criou para a felicidade dos homens. É para isso que lutamos. Se não o conseguirmos, teremos faltado aos nossos deveres, não atingiremos o objectivo da nossa luta”. AMILCAR CABRAL

quarta-feira, 7 de maio de 2008

HORROR: VEJA A FOTOGRAFIA DOS TERRORISTAS MORTOS POR ISRAEL


Israel comemorou o ataque como mais uma vitória contra terroristas palestinos. O ataque, desferido pelo Exército com obuses, serviria para apagar do mapa alguns militantes palestinos do grupo de Resistência Islâmica, o Hamas, mas o que foi alvo dos obuses foi apenas mais uma família palestina de Beit Hanun. A mãe, de 40 anos, e suas três crianças, morreram.Confira aqui

2 comentários:

ximbitane disse...

Comentarios para quê? O facto ja foi festejado. Espero é que os remorsos da ressaco os estejam a torturar, se é que sentem remorsos de algo... animais!

AGRY disse...

O poder da imagem!
A universalidade desta linguagem
ajuda a destruir os tiranos