Nós, da CONCP, queremos que nos nossos países martirizados durante séculos, humilhados, insultados, nunca possa reinar o insulto, e que nunca mais os nossos povos sejam explorados, não só pelos imperialistas, não só pelos europeus, não só pelas pessoas de pele branca, porque não confundimos a exploração ou os factores de exploração com a cor da pele dos homens; não queremos mais a exploração no nosso país, mesmo feita por negros. Lutamos para construir, nos nossos países, em Angola, em Moçambique, na Guiné, nas Ilhas de Cabo Verde, em S. Tomé, uma vida de felicidade, uma vida onde cada homem respeitará todos os homens, onde a disciplina não será imposta, onde não faltará o trabalho a ninguém, onde os salários serão justos, onde cada um terá o direito a tudo o que o homem construiu, criou para a felicidade dos homens. É para isso que lutamos. Se não o conseguirmos, teremos faltado aos nossos deveres, não atingiremos o objectivo da nossa luta”. AMILCAR CABRAL

quinta-feira, 30 de outubro de 2008

TEORIA E PRÁTICA


Teoria é quando tudo se sabe mas nada funciona.

Prática é quando tudo funciona e ninguém sabe porque.

Porém neste espaço conseguimos juntar teoria e prática; nada funciona e ninguém sabe porquê!
(autor desconhecido)

1 comentário:

Mariz disse...

Salvé!
Vim até aqui, pelo que li num post de uma bloguista que me é muito cara: MAria Sentidos e gostei do que li.
Quanto ao tema simples aqui exposto eu tenho outra visão.
A teoria nunca satisfaz a prática, mas sim, o que brota de nós mediante o que se aprendeu. Cada um imprime algo no que executa, dentro da mesma teoria. Basta olhar os artistas, os filósofos, por exemplo.
Todos sabemos tudo...estamos é esquecidos, pelas inumeras vidas vividas. Por iso é que a prática e a teoria são uma coisa só.

Mariz

ESPAVO! - como em MU